Tocando Agora:Rede Piauí de Notícias
Redação Rede Piauí EDITOR CHEFE
Anderson Soares COMERCIAL
WhatsApp CONTATO/SUGESTÕES (86) 99494-2468
Polícia Por: Redação Rede Piauí Repórter 02 Out 2018 09:24 Rede Piauí de Notícias

Adolescente é estuprada por dois homens em Parnaíba

A menor foi sequestrada e estuprada em um veículo modelo Prisma de cor preta.


Nesta segunda-feira (1), uma adolescente de iniciais K.N.S, de 15 anos, foi raptada e estuprada por dois homens em um veículo modelo Prisma de cor preta, no momento em que saia da escola no bairro Nova Parnaíba, na cidade de Parnaíba.

De acordo com o boletim de ocorrência da jovem em depoimento à Polícia Civil, ela pegou uma van até sua escola, chegando próximo ao Colégio Estadual localizado na avenida Coronel Lucas, a van quebrou. Por conta disso, a adolescente resolveu fazer o restante do percurso a pé até onde estuda na Escola Lauro Correia, localizada na Avenida Álvaro Mendes.

Ainda segundo o B.O, a garota chegou atrasada na escola e uma funcionária não permitiu a sua entrada, fazendo com que ela retornasse para sua residência. A menor deslocou-se a pé para a Praça Santo Antônio, com o objetivo de pegar outra condução de volta. No meio do caminho, ela foi abordada por dois homens desconhecidos próximo a um supermercado na Avenida Álvaro Mendes. Eles a agarraram e a jogaram no interior do veículo.

Boletim de ocorrência

Boletim de ocorrência.

Em seguida, os criminosos a levaram para um local que ela não soube descrever. Chegando neste local, os indivíduos mandaram que a adolescente tirasse a roupa e praticaram o estupro. Segundo o depoimento da adolescente, o estupro durou uma hora.

Após isso, os criminosos abandonaram a mesma próximo uma ponte da Cobrasil que dá acesso ao Tabuleiro. A vítima declarou no seu depoimento que um dos indivíduo tinha cor parda, barba e aproximadamente uns 45 anos.

Depois do fato, a menor foi caminhando até sua escola onde ficou a espera de seu padrasto, que avisou a mãe da jovem e eles de imediato se dirigiram ao Complexo da Polícia Civil em Parnaíba, onde foi lavrado um Boletim de Ocorrência e em seguida, o delegado encaminhou vítima para o Instituto Médico Legal (IML) para perícia, com o objetivo de constatar a violência física e conjunção carnal.

 Com informações de Meio Norte.




Deixe seu comentário: