Tocando Agora:Rede Piauí de Notícias
Redação Rede Piauí EDITOR CHEFE
Anderson Soares COMERCIAL
WhatsApp CONTATO/SUGESTÕES (86) 99860-1464
Polícia Por: Redação Rede Piauí Repórter 06 Ago 2018 19:15 Rede Piauí de Notícias

Assaltante com farda do Exército rende funcionários em distribuidora de Teresina

A ação durou cerca de 10 minutos, e os dois suspeitos fugiram em uma moto de cor vermelha.


Um assaltante vestido com farda do Exército rendeu dois funcionários durante uma tentativa de assalto a uma distribuidora de medicamentos na zona Sul de Teresina. Segundo o gerente da Toureiro Farma, Oscar, o suspeito foi visto em uma parada de ônibus na frente da distribuidora antes do assalto. Quando ele abriu a porta da empresa, o assaltante invadiu em seguida. 

"Ele estava na parada de ônibus com a farda completa do Exército, coturno, gandola, uma bolsa e eu imaginava até que era alguém indo para o quartel, até o corte de cabelo dele era militar. Foi quando eu abri a porta da empresa e entraram os primeiros funcionários, que ele entrou em seguida e com uma arma já rendeu dois deles", descreveu. 

Segundo Oscar, o assaltante perguntava pelo seu nome ao entrar no local. "Ele foi logo perguntando meu nome, e isso já me fez desconfiar de uma parada dada. Ele também perguntava por um tal de quartinho, que ele achava que tinha dinheiro guardado. O que ele não sabia é que nós não ficamos com dinheiro, ele é todo retirado diariamente por uma empresa. Ele não me viu e não sabia onde eu estava, foi quando eles deram a volta na prateleira e quando tive uma brecha eu abri a porta de vidro e fui pra fora alarmando", acrescenta o gerente.

Naquele momento, um motoqueiro se aproximou da farmácia e começou a bater contra o vidro. "O motoqueiro fez a curva, subiu no meio-fio e ficou batendo no vidro. As pessoas avisando do assalto e ele batendo. Só que para nossa surpresa, o cara com farda do Exército subiu na moto e foi embora", completa.

assaltante farda exército

O assaltante e seu comparsa fugiram em moto vermelha. 

A ação durou cerca de 10 minutos, e os dois suspeitos fugiram em uma moto de cor vermelha. O caso foi denunciado ao 3º Distrito de Polícia Civil, mas ainda não houve prisões.

Com informações de Cidade Verde.



Deixe seu comentário: