Pedro H. Santiago EDITOR CHEFE (86) 98882-0261
Anderson Soares COMERCIAL (86) 99965-4448
WhatsApp CONTATO/SUGESTÕES (86) 99860-1464
Geral Por: Redação Rede Piauí Repórter 09 Abr 2018 11:24 Rede Piauí de Notícias

Aumento no volume de água em rios e barragens preocupa autoridades

José de Freitas, Luzilândia e Picos são alguns dos municípios que estão em alerta


A grande quantidade de chuvas que cai sobre o Piauí está deixando vários municípios em situação de alerta. Grandes acumulados de chuva foram registrados em todo o estado ao longo de todo o período chuvoso que começou, regularmente, no início do ano. No entanto, a situação de alguns deles pirou entre o fim de março e o início de abril quando as precipitações se intensificaram e começaram a deixar as autoridades em estado de atenção.

O aumento do volume de água nos rios e nos reservatórios do estado é a principal preocupação. Em José de Freitas, por exemplo, a Defesa Civil estadual orientou que 200 famílias de 9 comunidades rurais do município deixassem suas casas em razão do perigo de rompimento da Barragem do Bezerro. Desde o domingo (8), equipes do Corpo de Bombeiro, Idepi, Exército e da Prefeitura Municipal estão auxiliando na remoção de moradores que residem em áreas de risco para duas escolas do município.  Uma das maiores da Região Centro-Norte do Piauí, a Barragem do Bezerro possui capacidade para 10 milhões de metros cúbicos de armazenamento.

bezerro
                          Barragem do Bezerro, em José de Freitas, corre risco de rompimento. (Foto: Governo do Piauí)

Ainda na Região Norte, o município de Luzilândia, localizado às margens do Rio Parnaíba, também está em alerta para inundação. Para o diretor da Defesa Civil, Vitorino Tavares, a principal preocupação no caso de Luzilândia é a localização do município. “Luzilândia fica num ponto do Rio Parnaíba que recebe as águas do Rio Poty que também tem recebido muita vazão vinda do Ceará”, explicou o diretor.

luzilandia
                             Em Luzilândia, localização geográfica do município preocupa autoridade. (Foto: Divulgação)

Em Picos, no Centro-Sul do Piauí, o aumento do volume de água do principal rio da região, o Guaribas, também preocupa os moradores e as autoridades. No último sábado (7), uma passagem molhada que interliga duas ruas do município foi arrastada pela força da correnteza. Neste domingo (8), a passagem estava totalmente encoberta pela água, ocasionando a suspensão do trânsito no local.

picos
              Passagem Molhada, em Picos, submersa pela cheia do Rio Guaribas. (Foto: G notícias)

A Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf), a Secretaria de Meio Ambiente de Recursos Hídricos (Semar) e a Defesa Civil estão monitorando toda a extensão do Rio Parnaíba, desde a Barragem de Boa Esperança, em Guadalupe, até a foz com o Oceano Atlântico no litoral.

Em nota, a Chesf informou que a operação da Barragem de Boa Esperança encontra-se dentro da normalidade. A Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) informa que o período úmido da Bacia Hidrográfica do Rio Parnaíba é de novembro a abril e que a operação do reservatório de Boa Esperança encontra-se atualmente dentro da normalidade. No momento, o vertedouro está fechado e a Chesf realizando o monitoramento das condições hidrológicas da bacia” disse.

Reportagem de Ryan Andrade, sob supervisão de Pedro Henrique Santiago



Deixe seu comentário:





Tocando Agora:Rede Piauí de Notícias