Tocando Agora:Rede Piauí de Notícias
Redação Rede Piauí EDITOR CHEFE
Anderson Soares COMERCIAL
WhatsApp CONTATO/SUGESTÕES (86) 99860-1464
Política Por: Redação Rede Piauí Repórter 28 Mar 2018 10:49 Rede Piauí de Notícias

Franzé Silva avalia gestão a frente da Secretaria de Administração

Em entrevista, o secretário comentou sobre gestão, transição na pasta e estratégias eleitorais para 2018


Em entrevista ao Portal Rede Piauí de Notícias, o secretário de Administração, Franzé Silva, fez um balanço da sua gestão durante esses três anos e três meses enquanto titular da pasta, sobre o processo de transição na secretaria, que será comandada por Ricardo Pontes, e sobre estratégias eleitorais que estão sendo articuladas para 2018. Franzé Silva está deixando a Secretaria de Administração para disputar o cargo de deputado estadual nas eleições deste ano.

Secretário, Franzé Silva, em entrevista ao jornalista Ubiracy Sabóia
Secretário, Franzé Silva, falou sobre gestão, transição e estratégias para disputar cargo de deputado estadual.

A despedida oficial do secretário acontece nesta quarta-feira (28). Na ocasião, Franzé vai cumprir agenda ao lado do governador, Wellington Dias, oportunidade em que ambos participarão da assinatura da ordem de serviço da reforma do entorno do Centro Administrativo. O evento deve ser a última atividade oficial de Franzé na condição de secretário de Administração do Governo do Piauí.

Sobre a sua pasta, o gestor avaliou positivamente os resultados alcançados nestes anos a frente da Administração e elogiou a equipe que ajudou a montar: "Nós trabalhamos nesses três anos, sempre com planejamento, costruindo todas as nossas ações em equipe. Então, os resultados que conseguimos obter dentro da gestão não foram uma ação apenas minha, mas do grupo que estava comigo. Tive a preocupação de montar uma equipe com pessoas experientes e procurei valorizar a parte técnica", disse o secretário.

Franzé também reiterou dois pontos sobre o processo de transição da pasta para o novo secretário, Ricardo Pontes: "O que eu espero do Ricardo é, primeiro, se ele tiver compreensão da função de cada uma daquelas pessoas que caminharam comigo nestes três anos e três meses, é que possa dar uma oportunidade de mostrar pra ele o quanto eles são competentes e eficazes. O segundo ponto é o de não alterar significativamente o que foi pensado no planajemanto estratégico e que não haja descontinuidade na gestão, que foi uma orientação passada pelo governador", comentou.

Partido dos Trabalhadores e governador Wellington Dias

O secretário também falou sobre a sua participação nas eleições de outubro e elogiou a gestão de Wellington Dias citando os avanços que o governador trouxe para o Piauí desde que assumiu o governo: "Não tenho como não ser candidato pelo PT. Acredito que o meu partido não teria como não me dar legenda pela minha história, pelo meu trabalho, pela militância e pela minha gestão. Me orgulho muito de ter contribuído com o governador Wellington Dias no desenvolvimento do Piauí. Temos muito o que comemorar com a atual gestão, basta observar os indicadores, tanto sociais quanto econômicos, para ver o quanto o Piauí cresceu", explicou o secretário.

Franzé também falou sobre os desafios do Partido dos Trabalhadores e as estratégias que a sigla deve colocar em prática: "Na última reunião da executiva eu defendi que o PT não pode se fechar em torno de si mesmo, mas também não pode ser prejudicado, dentro de uma estratégia eleitoral, em detrimento de outros partidos políticos. A lógica é construir uma aliança, de forma mais estratégica, para que não cometamos os mesmos erros do passado", finalizou Franzé. 

Reportagem de Ryan Andrade sob supervisão de Pedro Henrique Santiago
 



Deixe seu comentário: