Tocando Agora:Rede Piauí de Notícias
Redação Rede Piauí EDITOR CHEFE
Anderson Soares COMERCIAL
WhatsApp CONTATO/SUGESTÕES (86) 99494-2468
Polícia Por: Redação Rede Piauí Repórter 06 Ago 2018 08:54 Rede Piauí de Notícias

Homem persegue crianças com facão e decepa braço de uma delas em Buriti dos Lopes

A criança atingida recebeu diversos golpes ao longo do corpo, cabeça e, principalmente, nos membros superiores. A criança está internada em estado grave.


O lavrador Luis Carlos da Conceição é acusado de ter perseguido três crianças com um facão na tarde do último sábado (04). Um dos garotos, identificado como C. A. F. C., de 9 anos, está internado em estado grave após ter sido atacado a golpes de facão. O caso aconteceu na comunidade Barra do Longá, em Buriti dos Lopes, a 302 km de Teresina.

A criança que foi atingida recebeu diversos golpes ao longo do corpo, na cabeça e, principalmente, nos membros superiores. Porém, a lesão mais grave foi no braço esquerdo, que chegou a ser decepado. O menino foi encaminhado para o Hospital Dirceu Arcoverde, em Parnaíba, onde recebeu os primeiros atendimentos.

Através de fotos que não foram divulgadas devido à gravidade, é possível ver a criança desmaiada e coberta de sangue ainda no local do resgate. Na foto o braço da criança está partido em dois pedaços.

No hospital, C.A.F.C. foi levado para o centro cirúrgico e em seguida encaminhado para a UTI, onde foi entubado. O garoto segue internado na unidade de saúde onde está realizando exames laboratoriais e ortopédicos.

O último boletim médico divulgado oficialmente pelo hospital na tarde de domingo (5) afirma que a criança teve fratura exposta no braço esquerdo e permanece em acompanhamento de um cirurgião vascular, que avalia se será possível recuperar o braço da criança, ou se será necessária a amputação do membro.

Segundo a polícia, Luis Carlos da Conceição, de 49 anos, foi capturado pela GPM de Buriti dos Lopes e encaminhado à Central de Flagrantes de Parnaíba. De acordo com populares, o lavrador sofre de problemas mentais.

Com informações de portal O Dia e Cidade Verde.




Deixe seu comentário: