Tocando Agora:Rede Piauí de Notícias
Redação Rede Piauí EDITOR CHEFE
Anderson Soares COMERCIAL
WhatsApp CONTATO/SUGESTÕES (86) 99860-1464
Polícia Por: Redação Rede Piauí Repórter 05 Jul 2018 16:48 Rede Piauí de Notícias

Idosa mata o próprio filho para escapar de asilo

A mulher tentou matar também a namorada do filho.


--------------------

Quer morar em apartamento com 3 quartos na zona leste de Teresina e pagar apenas R$ 580,00 por mês através do Plano Certo garantido pela Caixa? Conheça o HIBISCO. Clique aqui e faça seu cadastro gratuitamente e receba atendimento especializado.

--------------------

Anna Mae Blessing, acusada de homicídio, discordou das intenções de seu filho de colocá-la em um asilo por alguns dias, de acordo com documentos judiciais.

"Você tirou minha vida, então eu estou tirando a sua", disse ela ao ser retirada da casa que compartilhava com o filho e a namorada dele no Arizona. Blessing informou à polícia que pretendia se suicidar após o crime.

assassina

O crime aconteceu na manhã da última segunda-feira na cidade de Fountain Hills, no condado de Maricopa, segundo registros policiais obtidos pela imprensa local.

O filho de Blessing, cujo nome não foi divulgado, queria que a mãe se mudasse para um asilo porque "ficou difícil conviver com ela". A mãe, então, escondeu duas armas de fogo em sua bolsa antes de confrontá-lo no quarto dele, disse a polícia em um comunicado. Durante a discussão, ela pegou um revólver e atirou contra o homem.

A polícia encontrou o filho de Blessing morto, com dois ferimentos de bala no pescoço e na mandíbula. Blessing ainda apontou a arma para a namorada de 57 anos de seu filho, que conseguiu tomá-la e atirá-la em um canto do quarto. A idosa então sacou uma segunda pistola, que contou depois à polícia ter ganhado de seu falecido marido na década de 1970. A namorada do filho também conseguiu tirar essa segunda arma das mãos de Blessing antes de fugir e ligar para o xerife.

A polícia encontrou a mulher em uma cadeira reclinável em seu quarto. Mais tarde, ela disse que, por causa de suas ações, merecia que pusessem fim à sua vida. Ela é acusada por homicídio qualificado, com agravante de sequestro, e sua fiança foi fixada em US$ 500 mil (cerca de R$ 1,95 milhão).

Fonte: BBC Brasil



Deixe seu comentário: