Tocando Agora:Rede Piauí de Notícias
Pedro H. Santiago EDITOR CHEFE (86) 98882-0261
Anderson Soares COMERCIAL (86) 99965-4448
WhatsApp CONTATO/SUGESTÕES (86) 99860-1464
Cidades Por: Redação Rede Piauí Repórter 13 Abr 2018 17:09 Rede Piauí de Notícias

Governador Wellington Dias decreta estado de calamidade no Piauí

Rio Parnaíba já atingiu 4,97 metros em Teresina


O prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), decretou estado de calamidade para a capital. Com isso, o governador Wellington Dias (PT) decretou estado de calamidade para todo o Piauí por conta das fortes chuvas.

O município de Luzilândia elevou o estado de alerta em que se encontra pela possibilidade de chegada das águas liberadas da barragem de Boa Esperança na última semana. A Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) informou, em nota, que o reservatório atingiu 92% do seu volume útil no dia 11 e por conta das fortes chuvas precisou aumentar a vazão defluente da usina para 1400 metros cúbicos.

De acordo com o prefeito de Luzilândia, Ronaldo Gomes (PTC), a água começou a ser liberada da usina, e deverá chegar a cidade na quinta-feira, mas o município ja se prepara para possíveis inundações. As famílias deixaram suas casas e foram para casas de parentes no locais mais seguros e a prefeitura cuida das famílias que estão isoladas.

Governador em reunião
Governador em reunião / Credito:CiddaesnaNet

O secretário municipal de Habitação e Urbanismo, Marco Antônio Ayres, disse que o CPRM (Serviço Geológico do Brasil) informou que que o rio Parnaíba em Teresina atingiu a cota de atenção, chegando a 4 metros e 97 centímetros na quinta-feira.

“É dado um alerta para a gente redobrar os cuidados em Teresina, já que faltam dois metros para decretar inundação na cidade", disse o secretário.

Em Teresina, desde o início do período chuvoso, órgãos como Defesa Civil Municipal e Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) realizam o monitoramento constante das áreas de risco e prestam auxílio para as famílias desses locais.

Somente nos dez primeiros dias de abril, a Defesa Civil Municipal de Teresina atendeu 59 pessoas em situação de risco. Para tratar a respeito do assunto, Firmino Filho se reuniu esta semana, em Brasília, com o secretário nacional de Defesa Civil, Newton Ramlow. A reunião foi agendada pelo ex-secretário de Saneamento Ambiental do Ministério das Cidades, Henrique Pires, que também participou do encontro.

Na ocasião, o Ministério da Integração Nacional, que possui experiência em combate a desastres naturais, se disponibilizou a ajudar os desabrigados com kits humanitários. “Na oportunidade, nós mostramos todas as características de Teresina e as dificuldades que estamos tendo agora com as chuvas intensas e concentradas na cidade”, disse Firmino.

Após a reunião, o próximo passo será protocolar todas as necessidades da cidade de Teresina, durante este período chuvoso, junto ao Ministério da Integração Nacional. De acordo Érick Amorim, coordenador do escritório da Prefeitura em Brasília, o documento será encaminhado nos próximos dias.

*Reportagem: Welligton Oliveira sob supervisão de Pedro Henrique santiago
 



Deixe seu comentário: