Tocando Agora:Rede Piauí de Notícias
Redação Rede Piauí EDITOR CHEFE
Anderson Soares COMERCIAL
WhatsApp EXPEDIENTE/FALE (86) 99494-2468
Educação Por: Redação Rede Piauí Repórter 26 Out 2018 01:41 Rede Piauí de Notícias

Simões ganhará novo polo da Universidade Aberta do Brasil

As obras já iniciaram e devem ser concluídas até agosto de 2019.


Uma Parceria Público-Privada (PPP) entre o Governo do Piauí, através da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), e a empresa de energia eólica Contour Global proporcionará a construção de um novo polo da Universidade Aberta do Brasil (UAB) no município de Simões, a 400 Km de Teresina. As obras já iniciaram e devem ser concluídas até agosto de 2019.   

O gerente de Redes da Superintendência de Ensino Superior da Seduc, Orisvaldo Rodrigues, explica que a obra terá um investimento superior a três milhões de reais, compreendendo estrutura física e aquisição de equipamentos.

UAB POLO SIMÕESSimões ganhará novo polo da Universidade Aberta do Brasil. Foto: Cead/Ufpi

“As tratativas dessa PPP tiveram início há dois anos a partir da iniciativa dos que fazem o polo da UAB de Simões. Sabendo da cláusula de investimento social na concessão da exploração do recurso natural, a empresa escolheu o projeto de construção e aparelhamento de um novo polo da UAB, beneficiando assim municípios da região e de outros estados”, relata o gerente.  

O secretário de Estado da Educação, Hélder Jacobina, explica que a parceria envolveu inclusive a Prefeitura de Simões, que doou o terreno para a obra que já encontra-se em fase de limpeza do mesmo.

“A parceria trará enormes benefícios não só para Simões, mas para 20 municípios que o polo agrega. O novo polo beneficiará não só alunos do Piauí, como também de outros estados como Ceará e Pernambuco, que já estudam, ou venham a estudar em Simões”, observa o secretário.

A coordenadora do polo local, Maria Bento informa que atualmente, são ofertados cursos de Filosofia, Pedagogia, Sistemas de Informação, Letras Espanhol e Português, Administração, Historia, Matemática e uma especialização em Gestão Ambiental.

“Formaremos até o final de 2018 dez turmas, sendo seis em parceria com a Universidade Federal do Piauí (UFPI) e quatro com a Universidade Estadual do Piauí (Uespi). Esses profissionais atuarão em diversos municípios do Piauí e de outros estados”, completa a coordenadora.




Deixe seu comentário: