Tocando Agora:Rede Piauí de Notícias
Redação Rede Piauí EDITOR CHEFE
Anderson Soares COMERCIAL
WhatsApp EXPEDIENTE/FALE (86) 99494-2468
Geral Por: Redação Rede Piauí Repórter 31 Out 2018 14:38 Rede Piauí de Notícias

Wellington Dias trata da continuidade do Fórum de Governadores com Ibaneis Rocha

O governador eleito do Distrito Federal se mostrou aberto para a continuação do fórum.


O governador Wellington Dias se reuniu, nesta terça-feira (30), em Brasília, com o governador eleito do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, para tratar da continuidade dos trabalhos do Fórum de Governadores.  O chefe do Executivo piauiense participou do encontro acompanhado do secretário de Estado da Fazenda, Rafael Fonteles, e do superintendente de Representação do Piauí em Brasília, Roberto Jonh.

wellington dias e ibaneis rochaWellington Dias trata da continuidade do Fórum de Governadores com Ibaneis Rocha. Foto: CCom

De acordo com Wellington, o governador eleito do DF se mostrou aberto para a continuação do fórum e que o mesmo revelou que já acompanhava os trabalhos e que valoriza e considera importante essa integração dos 27 estados da Federação com as “Pautas Brasil”. Apesar de ter anunciado uma nova função para Residência Oficial de Águas Claras, o espaço continuará à disposição do fórum.

“Temos uma proximidade e aqui fiz uma visita e trouxe uma mensagem de outros líderes que compõem, ao longo desse período, o Fórum de Governadores. Temos muitas pautas para trabalhar, como a votação da securitização das dívidas ativas dos Estados, isto é, uma forma de gerar receitas sem criar novos tributos, e, certamente, para começo de mandato uma importante receita, que também é uma forma moderna de combate à sonegação”, explica Dias.

Na oportunidade, o governador piauiense também se colocou à disposição para ajudar com a experiência do Piauí. “Ele é uma pessoa que acumula muita experiência, vai ter uma boa equipe e sempre será um prazer recebê-lo no Piauí e contribuir com a nossa experiência. Aprendemos muito também com a experiência de outros estados”, disse Wellington. 




Deixe seu comentário: