Tocando Agora:Rede Piauí de Notícias
Pedro H. Santiago EDITOR CHEFE (86) 98882-0261
Anderson Soares COMERCIAL (86) 99965-4448
WhatsApp CONTATO/SUGESTÕES (86) 99860-1464
Tecnologia e Inovação Por: Ryan Andrade Repórter 05 Jun 2018 11:50 Rede Piauí de Notícias

96 municípios do Piauí serão contemplados com internet livre

Serão 1500 pontos de acesso em todo o Piauí.


O contrato da Parceria Público Privada (PPP) Piauí Conectado será assinado nesta terça-feira (5) no Palácio de Karnak. O projeto prevê a oferta de internet, por meio da rede de fibra ótica, aos órgãos da administração pública e à população, em geral, através da instalação de pontos de acesso livre (hotzones). 96 municípios piauienses serão contemplados pela PPP.

internet livre
Projeto prevê a oferta de internet gratuita a 96 municípios do estado. (Foto: G1)

Serão investidos pela concessionária R$ 211 milhões, dos quais R$ 165.323.457,29 serão usados, nos dois primeiros anos do contrato, para a implantação de 5 mil quilômetros da rede de fibra ótica e a instalação de 1.500 pontos de internet em todo o Piauí. 2,4 milhões de piauienses serão beneficiados, o que representa 80% da população de todo o estado.

Atualmente, o Governo do Piauí conta com 630 pontos de internet sendo o custo de cada um deles R$ 7.090,00. Com o Piauí Conectado, o Estado passará a contar com 1.500 pontos e cada um custará 2.788,04.

O projeto prevê a universalização da educação através de metodologia de ensino padrão com o apoio de conteúdo digital e ensino à distância; modernização do atendimento à saúde, através de recurso de telemedicina, levando a todos os pontos do estado os mesmos recursos na realização de consultas, exames e prevenções que os disponíveis na capital; melhoria da segurança pública através da prevenção e no combate à redução da criminalidade através de monitoramento, vídeo vigilância com utilização de câmeras e software; a adoção de melhores e mais eficientes sistemas, controles e softwares que permitam desburocratização e maior rapidez no atendimento das informações para a população e  maior eficiência do gerenciamento e controle do Estado, através de implantação de uma Rede Estadual de Telecomunicações que venha a dar a necessária sustentação e suporte.

Com informações do Cidade Verde



Deixe seu comentário: