Tocando Agora:Rede Piauí de Notícias
Pedro H. Santiago EDITOR CHEFE (86) 98882-0261
Anderson Soares COMERCIAL (86) 99965-4448
WhatsApp CONTATO/SUGESTÕES (86) 99860-1464
Esportes Por: Pedro H. Santiago Repórter 04 Jun 2018 07:35 Rede Piauí de Notícias

Altos goleia na série D e fica a um passo da próxima fase

Um dos responsáveis pelo o resultado foi o lateral-direito, Tote, que em três lances de escanteios conseguiu ajudar a equipe a sair com um resultado bastante favorável


Na tarde quente de domingo (3), o torcedor do Altos se dirigiu ao estádio Felipão para incentivar o time a conseguir fazer uma vantagem boa em relação ao rival, o Nacional-AM. Porém, esse mesmo torcedor não imaginava que Leone, Manoel e Vitor Bacana, com a ajuda de Tote nos escanteios, seriam os responsáveis por encher o coração dos torcedores de esperança.

Foi um jogo mais concentrado no primeiro tempo, bastante equilibrado, até que aos 35 minutos, Tote, em cobrança de escanteio, joga a bola na área para Leone subir mais alto que todo mundo e colocar a bola no fundo da rede. 1 a 0 Altos.

Altos goleia Nacional-AM
Crédito: Luís Junior - AA. Altos

Vem o segundo tempo e a Manga Mecânica, como foi carinhosamente apelidado o time do Altos pela campanha que fez no mesmo campeonato em 2016, entra em campo eletrizante. Aos 3 minutos do segundo tempo, novamente Tote em cobrança de escanteio; bola alçada na área e mais uma vez Leone sobe mais alto que todos de cabeça, a bola acerta a trave e há o rebote. Manoel, de coxa, amplia o placar. 2 a 0 para o Altos.

Altos goleia o Nacional-AM
Crédito: Luís Júnior - AA. Altos

Mal deu tempo de vibrar, pois aos 5 minutos, o Altos tem novo escanteio. Quem cobraria? Sim, Tote. Vitor Bafana aproveita a sobra, arruma e bate com categoria de perna direita para fazer o terceiro gol do Altos na partida. 3 a 0 para o Altos. 

Altos goleia o Nacional- AM
Crédito: Luis Júnior - AA. Altos

A partir daí foi só dominar as ações e esperar o árbitro apitar o fim do jogo para a linda festa da torcida altoense.

O Altos deve viajar dia 9 para Manaus, onde, no dia posterior, enfrentará o Nacional-AM pelo segundo e decisivo jogo desta segunda fase. A vantagem do time piauiense é de dois gols. Se, por ventura, o time amazonense fizer três gols, a classificação pode ser decidida nos pênaltis.



Deixe seu comentário: