Pedro H. Santiago EDITOR CHEFE (86) 98882-0261
Anderson Soares COMERCIAL (86) 99965-4448
WhatsApp CONTATO/SUGESTÕES (86) 99860-1464
Piauí Por: Pedro H. Santiago Repórter 28 Mar 2018 10:50 Rede Piauí de Notícias

Família de Emilly pede indenização milionária ao Estado

A ação foi enviada à 2ª Vara de Feitos da Fazenda Pública do Piauí


A família de Emilly Caetano, criança morta durante abordagem policial no dia 25 de dezembro de 2017, pediu na justiça uma indenização no valor de R$ 5 milhões. A ação foi enviada à 2ª Vara de Feitos da Fazenda Pública do Piauí na última terça-feira (27).

Em nota, a defesa da família afirma que o Estado colocou em risco a população com a efetividade de um servidor que não estava apto a assumir o cargo. “Nada poderá reparar a dor pela perda de um ente tão querido, ainda mais quando encontrava-se em tenra idade. Mas a indenização, no presente caso, deve, além de tudo, mostrar ao Estado do Piauí os riscos a que submete a população ao não agir de modo diligente na supervisão de seus servidores”, diz o documento. 

Família de Emilly Caetano
A família acredita que a sociedade foi colocada em risco ao colocar cargos de risco pessoas inabilitadas para assumir / Crédito: Reprodução Pessoal

No dia 11 de janeiro, o governador Wellington Dias exonerou o ex-policial Aldo Barbosa Dornel, que não havia sido classificado no processo psicológico (segunda fase) do concurso de 2010, mas Aldo Barbosa entrou na Justiça e, através de uma liminar conseguiu se efetivar no cargo, assim como outros quatro aprovados na primeira fase do certame.



Deixe seu comentário:





Tocando Agora:Rede Piauí de Notícias